“Que a errar, seja por agir e não por ceder ao receio. Que seja por arriscar voar e não por esperar que o vento mude.”

Perfil

//mais sobre mim

Arquivo

Posts

Quarta-feira, 09 de Maio de 2012

potere della musica - power of music

Respondia-lhe ele que as mulheres decentes também eram uma espécie extinta. Que já não há mulheres de palavra, verdadeiras, sinceras e de confiança que não traiam.

Passam-me mentalmente umas quantas pessoas assim pela cabeça. Ignoro as que já estão felizes e trago as restante á berlinda. Aquela se não tivesse uns quilinhos a mais, ou a outra se não fosse tão baixinha, ou aquela se tivesse um sorriso mais bonito e a outra fosse mais divertida, e tantas outras com tanto por dizer, se elas não fossem como são já se podiam enquadrar como mulheres decentes. E nisto percebo que poderia estar a falar no masculino que cairia no mesmo discurso. 

Hoje em dia quase todos procuram qualidades interiores que combinem com o exterior como se isso fosse um requisito de qualidade de um qualquer produto numa prateleira de supermercado. Procura-se alguém que não espelhe os seus próprios defeitos sob pena de acordar todas as manhãs com alguém que se sabe de cor e se condena ao seu jeito. 

Às vezes parece que não se quer amor nem cumplicidade, quer-se um bibelô para trazer ao lado e apresentar aos amigos. Porque os bibelôs vieram da fábrica para aquelas mãos, são perfeitos e não têm passado. Os bibelôs não pensam, não discutem nem têm opinião.

Estão ali, imaculados, perfeitos e inalcançáveis.

Seria tão mais fácil se todos fossemos bibelôs.

 

 

miúda* às 23:36

Quinta-feira, 19 de Janeiro de 2012

Está mais que provado que as fantasias que criamos esbarram na realizade e aumentam exponencialmente as expectativas.

 

miúda* às 23:52

Sexta-feira, 25 de Novembro de 2011

316996_266006276768583_234046079964603_646164_987982022_n_large

Simples e directo.

Quem estiver mal que se mude, quem é como quem diz "passar a linha e ser parvo é fácil, regressar ao lado de cá da linha e ser homem é difícil."

Até lá continuo a gaja sem coração que não permite proximidades.

 

 

 

miúda* às 16:28

Quarta-feira, 30 de Março de 2011

Just Another Kid On a Blog

Há ciclos viciosos. Vamos vivendo o melhor que sabemos... 

miúda* às 22:29

Domingo, 13 de Março de 2011

Pete+yorn++scarlett+johansson+png_large

 

J: Estou mal, muito mal mesmo. Ela foi ter com esse tal gajo.

Eu: E tu gostas dela, por isso tas mal.

J: Não a percebo. Estou tão mal.

Eu: Ela nunca disse que gostava de ti...

J: Não a vou conseguir esquecer nem deixar de amar. Eu amo-a. Não se deliga isso por dá cá aquela palha.

Eu: Pois...

(1 minuto depois)

J: Epah conheci uma gaja vou passar do picanço para um avanço efectivo.  

Eu: ...

 

 

Os homens às vezes parecem seres de outro planeta. Têm cá uma capacidade para ultrapassar as coisas da vida...

Como há momentos em que gostava de ser homem para ser assim tão despachada nos sentimentos!