“Que a errar, seja por agir e não por ceder ao receio. Que seja por arriscar voar e não por esperar que o vento mude.”

Perfil

//mais sobre mim

Arquivo

Posts

Sábado, 10 de Março de 2012

57561701457356846_pjz8zzrj_f_large

O aconchego de uma possibilidade soa sempre melhor que quando não existe nada.

Esperas e desesperos que continuam, mas bateu-se a mais uma porta, fez mais uma tentativa entre tantas, isso aguça o animo por um bocado.

Também é preciso.

Réstias de esperança que o mundo gire mais depressa que o normal e tudo entre nos eixos comuns da terra.

 

miúda* às 00:23

Domingo, 13 de Março de 2011

Tumblr_lf7axc7wmq1qbdp2so1_500_large

A esperança sabe ser um bichinho penoso. Fica assim alojada no coração como se os sonhos estivessem à distância de um esticar de dedos.

Exala um perfume inebriante donde só há pó e terra seca e faz gritar da garganta muda um pedido urgente de afecto puro, sem misturas e tumultos. Sabe-se que a vida é terreno fértil pronto a semear mas por algum motivo oculto continua apenas a dar azo a ervas daninhas.

Cedo se vai e se foi a nostalgia do choro que não vem mais, deixou-se adormecer no vale das tristezas onde corre o rio da saudade. Não vai mais fugir, não vai mais gritar e não vai mais ceder à mágoa. A vida continua alucinante de um amor que é meu, teu e do mundo inteiro.

Só quer ser feliz na rebeldia de um mundo que é só seu, onde só entra quem deixa e não fica quem não deseja...

 

miúda* às 20:53
tags: ,

Quarta-feira, 16 de Fevereiro de 2011

Tumblr_ldr7kuezwl1qch12vo1_400_large

Há sempre esperança.

E quando não houver eu arranjo. Não se pode deixar morrer a magia de que somos feitos.

 

miúda* às 17:09