“Que a errar, seja por agir e não por ceder ao receio. Que seja por arriscar voar e não por esperar que o vento mude.”

//subscrever feeds

Posts

Sábado, 10 de Março de 2012

57561701457356846_pjz8zzrj_f_large

O aconchego de uma possibilidade soa sempre melhor que quando não existe nada.

Esperas e desesperos que continuam, mas bateu-se a mais uma porta, fez mais uma tentativa entre tantas, isso aguça o animo por um bocado.

Também é preciso.

Réstias de esperança que o mundo gire mais depressa que o normal e tudo entre nos eixos comuns da terra.

 

miúda* às 00:23

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.