“Que a errar, seja por agir e não por ceder ao receio. Que seja por arriscar voar e não por esperar que o vento mude.”

//subscrever feeds

Posts

Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2012

392009_268141119906436_100001316510804_695698_806576182_n_large

É raro não gostar de alguém sem conhecer primeiro e dar o beneficio da dúvida. Não gostei dele desde o primeiro momento em que fomos apresentados. O pouco que tenho conhecido não mudou isso.

É convencido, tem a mania que é giro, fala como se fosse importante, não sabe ser pontual, não tem tomates para estar e falar em público da mesma forma que faz ao telemóvel com a rapariga com quem tem mais que uma amizade, pensa que temos de fazer o que quer para o menino não amuar e adora espicaçar a tentar juntar-me ao amigo dele.

Nas raras vezes que trocamos olhares tem de me olhar daquela forma. Se os olhares fizessem estragos já estariamos ambos bem danificados. 

Ainda está por me aparecer um par de olhos verdes que não me cause uma certa raiva.

 

miúda* às 01:30

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.