“Que a errar, seja por agir e não por ceder ao receio. Que seja por arriscar voar e não por esperar que o vento mude.”

Posts

Sexta-feira, 27 de Janeiro de 2012

Tumblr_ly460vnar31r99z2uo1_500_large

Abrir mão dos nossos medos é uma tarefa que procuramos delegar sempre para o dia seguinte.

Dói-me o ego, o corpo e o coração.

Falta-me a agitação de cidade grande na alma sedenta por viver a sério.

 

miúda* às 00:15